Festival de Inverno encanta o público monlevadense - João Monlevade passa a integrar oficialmente programação do Festiva

 

Publicado em: 16/07/2019 14:53 | Fonte/Agência: Prefeitura Municipal de João Monlevade

Whatsapp

 

A 52ª edição do Festival de Inverno marca a primeira vez em que João Monlevade integra, oficialmente, o seu nome: Festival de Inverno de Ouro Preto, Mariana e João Monlevade. O evento já realizava ações no município em anos anteriores, mas, em 2019, elas foram intensificadas e ainda mais valorizadas. De 8 a 14 de julho, a programação foi bastante diversa. Foram realizadas cerca de 20 atividades gratuitas, com oficinas, palestras, shows, apresentações teatrais, feira, piquenique cultural e atividades culinárias, que aconteceram nas praças e auditórios da cidade.

Para reitora da UFOP, Cláudia Marliére, “trazer o nome de João Monlevade é uma forma de cumprir nosso papel social e ajudar na complementação da formação da área tecnológica. Ter acesso à cultura e à arte dão uma formação mais humanística, o que é importante para o engenheiro no mercado de trabalho”, afirma. O Instituto de Ciências Exatas e Aplicadas (Icea) da Ufop, em João Monlevade, oferece os cursos de graduação em Engenharia de Computação, Engenharia Elétrica, Engenharia de Produção e Sistemas de Informação.

A diretora Icea comemora o sucesso do evento em João Monlevade as palavras para descrever o momento são: “emoção” e “comprometimento”. Neste ano, o Festival propôs uma maior conexão entre as diferentes regiões das cidades, integrando centro e áreas periféricas. Assim, as atividades no município foram expandidas e fortalecidas.

A programação foi composta quase totalmente por artistas que nasceram ou que residem na cidade de João Monlevade. Laura Gomes Fernandes, aluna do Icea que participou da organização do evento, diz que a valorização da arte local foi pautada como uma das principais características do Festival, um exemplo é o coral monlevadense Família Alcântara.

A intensa semana termina cumprindo o que foi proposto: a integração da comunidade e a apresentação de artistas da região em um evento plural, que valoriza as artes. Anliy, pela terceira vez na organização do Festival, conta que consegue entender muito mais as demandas da comunidade e dos artistas. Então, a ideia é de que a experiência só melhore. Laura, ao comentar sua vivência com o evento, diz que se sente muito feliz em oferecê-lo à população “Nós todos adquirimos um ganho cultural muito grande”. E, com gosto de “quero mais”, concluiu: “Estamos na expectativa de que tudo dê tudo certo e, mais ainda, na expectativa do próximo Festival”.

 Para a Diretora Presidente da Fundação Casa de Cultura, de João Monlevade, Claira Ferreira, é muito significativo para o município estar inserido oficialmente na programação do Festival de Inverno da UFOP, que é um evento tradicional, que teve início há mais de 50 anos e é reconhecido internacionalmente. O ganho cultural maior é o fato de Monlevade passar a integrar este circuito de eventos do festival, valorizando principalmente a cultura e arte local. "É Monlevade construindo o Festival aqui, com seus parceiros, artistas e seus valores culturais", finalizou.

O Festival de Inverno 2019 continua suas atividades até dia 21 de julho em Ouro Preto e Mariana. O evento é uma realização da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), em parceria com a Fundação Gorceix e as Prefeituras das três cidades e conta com o patrocínio da Vale. Para saber mais e conferir a programação completa, acesse www.festivaldeinverno.ufop.br.