Biblioteca Pública Municipal valoriza os escritores locais

 

Publicado em: 18/01/2023 16:09

Whatsapp

 

A Biblioteca Pública Municipal Jornalista Assis Chateaubriand, da Prefeitura de João Monlevade, ganhou na atual administração a Coleção Memória Monlevade, espaço destinado às obras literárias de autores monlevadenses.

A criação do espaço objetiva incentivar os autores da cidade a doarem seus livros para a Biblioteca, que é reconhecida por vários escritores locais como um espaço de salvaguarda do acervo bibliográfico da comunidade. “O local é lembrado com carinho e atenção pelos autores da cidade, que enxergam aqui um espaço de valorização e preservação de suas obras”, destaca a servidora Rosália Oliveira, que atua na Biblioteca.

A última doação feita ao espaço foi do jornalista e poeta monlevadense Geraldo Magela Ferreira, que atualmente reside em Brasília, no Distrito Federal. O premiado autor, que começou suas atividades literárias na década de 1980, no Grêmio de Estudos Literários (GEL), possui trabalhos publicados em veículos alternativos do Brasil e no exterior, principalmente poemas visuais. Magela doou recentemente à Biblioteca Jornalista Assis Chateaubriand o livro “Anotações Poéticas do Ex-Aluno Geraldo Magela”, publicado por ele em 1989. O escritor também doou livros de outros autores para o acervo da Biblioteca, como o do consagrado escritor brasileiro Rubem Fonseca e do francês Marcel Schwob.

A Biblioteca também recebe doações de livros diversos, de vários gêneros literários, como romances, contos, crônicas, poesias, livros infantis e infanto-juvenis, desde que estejam em bom estado de conservação. O local tem recebido diversas inscrições de usuários e doações.