Em tempos de Coronavírus, prefeitura mantém serviços emergenciais odontológicos

 

Publicado em: 27/07/2020 21:18 | Fonte/Agência: Prefeitura Municipal de João Monlevade

Whatsapp

 

A prefeitura de João Monlevade, por meio da Secretaria de Saúde, está atendendo as urgências e emergências do serviço odontológico municipal, no Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), situado à rua 16,  Nº 155, no bairro Loanda.

Devido à pandemia do Coronavírus e em atendimento às determinações dos órgãos ligados à saúde, os serviços odontológicos tiveram que ser interrompidos em todos os postos e inclusive o ônibus da saúde. Mas a prefeitura procurou manter os atendimentos emergenciais pelo bem da população e cuidado com a saúde das pessoas.

O CEO foi o local adequado para centralizar os atendimentos porque é dotado de 5 consultórios individuais, e conta com o rodízio de todos os dentistas da rede, que estão totalmente envolvidos nos serviços, tanto na área odontológica, como também atuando no telemonitoramento das vítimas do coronavírus , junto à Vigilância Sanitária.

Saiba mais...

O Centro de Especialidades Odontológicas (CEO), em tempos normais (antes da pandemia) oferece atendimentos e tratamentos em periodontia especializada, próteses, endodontia, cirurgias bucomaxilo, reabilitação da saúde bucal e atendimento a portadores de necessidades especiais.

O CEO João Monlevade é do tipo II, com cinco cadeiras odontológicas, 10 CD especialistas, com atendimento à população local e à microrregião, especificamente às cidades de Nova Era, São Domingos do Prata, Rio Piracicaba e Bela Vista de Minas. A manutenção é por meio de parceria entre Estado, Município e o Governo Federal, através do repasse de recursos do Ministério da Saúde, e complementado com recursos próprios da prefeitura.

Em fevereiro de 2020, a Prefeitura de João Monlevade implantou no CEO o projeto “Próteses para todos”, estendendo o horário até aos sábados, para atender a pacientes que já estavam na fila de espera em  João Monlevade. Na oportunidade, 40 pessoas foram contempladas. Com a chegada do coronavírus, o projeto também foi suspenso.