Calçamento de ruas já alcança mais de 65% do previsto em João Monlevade

 

Publicado em: 11/02/2019 10:00 | Fonte/Agência: Prefeitura Municipal de João Monlevade

Whatsapp

 

A Prefeitura de João Monlevade já concluiu mais de 65% do total de calçamento das ruas contempladas, através do contrato assinado com a empresa Rocha & Rocha, vencedora do processo de licitação. Nos meses de dezembro de 2018 e janeiro de 2019, mais quatro ruas ficaram prontas: Chiquinha Gonzaga, no Santo Hipólito; Nova Zelândia, no Teresópolis; e as ruas Laguna e Londrina, no ABM.

As obras contemplam 26 ruas de João Monlevade, com rede pluvial e calçamento com bloquetes, num prazo de 28 meses. Como o contrato foi assinado em maio de 2018, a Prefeitura tem até o final de setembro de 2020 para terminar os serviços, mas, pelo andamento das ações, tudo leva a crer que o contrato será cumprido bem antes desse prazo.

De acordo com o cronograma da Secretaria de Obras, estão em andamento as obras da rua 17, no bairro Cidade Nova, e serão iniciados, nos próximos dias, as seguintes ruas: Rua Um, no bairro Boa Vista; Carlos Drummond de Andrade, no Palmares, e novos trechos da rua Bem-Te-Vi, no bairro Cidade Nova.

E, ainda, vão ser programados serviços para as seguintes vias: Rua das Rosas e Madre Tereza de Calcutá, no Cruzeiro Celeste; Santos Dumont, no Nova Monlevade; Estrela Guia, no Novo Cruzeiro; Colina, no Sion; Interligação Paineiras e Sion; Projetada, esquina com Rua Gata Sul, no Vera Cruz, e finalização da Rua Bem-Te-Vi.

Serviços Feitos

Vale lembrar que já receberam rede pluvial e calçamento com bloquetes, as ruas: José Guilherme Miranda, no bairro Laranjeiras; Cícero Maurílio Coelho, rua F, Etelvina Moreira, Januário Basílio e Juventino Alves Caldeira, no bairro Vale da Serra; Eni Leite, Projetada, Randolfo Moreira, ruas 4 e 5, no bairro José Elói; Maria Joana e Sebastião Abreu, no Loanda; José Pedro Alberto, no Palmares; São João Batista, no Nova Cachoeirinha; Raimundo Eloy, no Novo Cruzeiro; e trecho da rua Bem-Te-Vi com Rua Mandarin, no Cidade Nova.

 

LEGENDA: A Rua 4, no José Eloi, foi uma das contempladas durante a primeira etapa